BEM-VINDO AO BLOG DE ELIANA BELO
Arquivo virtual de História, Memória e Patrimônio de Indaiatuba (SP) e região.*

Este blog só é viável com o auxílio de vários colaboradores; seja um também, divulgando seu (s) texto (s) ou imagem (ns).

CITE A FONTE ao fazer uso de textos ou imagens publicados neste blog; grande parte do material foi cedido generosamente por colaboradores.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Imagens de Indaiatuba Antiga


Largo da Matriz


Rua 15 de Novembro


Praça Rui Barbosa


Largo da Matriz, vista do alto das torres da igreja


Igreja Matriz Nossa Senhora da Candelária


Praça Prudente de Morais


Consta como "sem identificação", mas é o prédio do "antigo" Grupo escolar Randolfo Moreira Fernandes*


Consta como "sanatório".
É a vista do Hospital Augusto de Oliveira Camargo


Rua Candelária


Serviço de Água




....ooooOoooo....


As imagens originais foram cedidas por minha chará: Eliana Haddad.
Não há datação.
Alguém colaboraria com "pistas" para datar essas imagens?

1) * Deize Clotildes Baranabé de Morais, ao analisar as fotos informou que não consegue precisar exatamente a data, mas acredita que sejam imagens da década de 1950.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

29 de ABRIL - AUDIÇÃO E RESULTADO DO PRÊMIO NABOR 2016

POSTAGENS MAIS PROCURADAS - Última semana

ATUALIDADES: História e Historiadores

Loading...

ATUALIDADES: Museus e Arquivos Públicos

Loading...

ATUALIDADES: Arqueologia

Loading...

Indaiatuba - A cidade que tem um urubu de estimação

Indaiatuba - A cidade que tem um urubu de estimação
Ave silvestre foi domesticada e atualmente voa livremente pela cidade, pousando em logradouros públicos, tornando-se conhecida e querida pelos indaiatubanos. Ajude a preservar!

Pelo reconhecimento das diferenças que existem entre nós. Só assim teremos oportunidades iguais!

Pelo reconhecimento das diferenças que existem entre nós. Só assim teremos oportunidades iguais!
Datas alusivas despertam a consciência pois estimulam a reflexão. Não faça uso da borracha preconceituosa que tenta apagar as diferenças. Pelo contrário! Reconheça as diferenças e valorize cada diversidade. Parafraseando Boaventura de Sousa Santos: “temos direito a reivindicar a igualdade sempre que a diferença nos inferioriza e temos direito de reivindicar a diferença sempre que a igualdade nos descaracteriza.”

Bibliotecas Digitais

SEGUIDORES