BEM-VINDO AO BLOG DE ELIANA BELO
Arquivo virtual de História, Memória e Patrimônio de Indaiatuba (SP) e região.*

Este blog só é viável com o auxílio de vários colaboradores; seja um também, divulgando seu (s) texto (s) ou imagem (ns).

CITE A FONTE ao fazer uso de textos ou imagens publicados neste blog; grande parte do material foi cedido generosamente por colaboradores.

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Verão de 2011 - As enchentes

Imagens da manhã de hoje, 13 de janeiro de 2011, entre 9:30 e 9:45,
no Parque Ecológico, do Córrego Barnabé, que transbordou.

A rotatória do Colégio Objetivo ficou impedida no sentido Elias Fausto-Centro. Quando a água diminuiu um pouco, saindo da rua, tirei essas fotos.

O laguinho atrás do Colégio Objetivo transbordou, invadindo as ruas e formando um córrego por cima da rua em direção ao outro lago.

(clique na imagem, caso queira ampliar)












A assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Indaiatuba informou que entre 8h30 e 10h30  choveu em Indaiatuba 55 mm.

Ninguém ficou desalojado ou desabrigado.
 
Além do transbordamento do Córrego do Barnabé, são esses alguns dos outros problemas:
  • Boca-de-lobo entupida causa inundação: um guarda-roupas dentro de uma boca-de-lobo, na rua Ignácio Wolf, no Jardim Pedroso, causou inundações no local. A garagem do prédio número 195 da rua ficou inundado.
  •  Ruas que alagaram e problemas ocasionados: Ademar de Barros (centro); ruas no entorno da Praça D. Pedro II (centro); região do Parque Corolla; rua Agide Scachetti, 136, Jardim Esplanada I (o terreno dos fundos jogou água que atingiram o quintal da referida residência); rua Domacir Stocco Júnior, bairro costa e Silva (residências foram inundadas); rua 73 (Morada do Sol);  
  • Cabo da Espingarda (Morada do Sol):  a água chegou no quintal das residências. Cerca de 10 casas foram invadidas pelo transbordamento do Córrego do Barnabé.
  • Semáforos que apresentaram problemas:  da avenida Itororó com a rua XV de Novembro e semáforo da avenida Presidente Kennedy com a rua 13 de Maio.
  • A ETA V (Estação de Tratamento de Água) teve a casa de bombas inundada, mas os reparos já começaram. O SAAE fez previsão de que a situação seria resolvida por volta de 14h. Informou também que o problema não afetou a distribuição de água devido aos reservatórios existentes.
  • Cras Tombadouro: infiltração derrubou teto de gesso e alagou a unidade. O atendimento foi suspenso.
  • Caps II Pau Preto: Calha não deu vazão às águas e vazou água pelo teto em algumas salas.
  • Projeto Guri: parte do teto de gesso da sala de ensaio musical caiu. O chão está inundado. Medidas terão que ser tomadas pela Secretaria da Cultura, para não desabar tudo.
  • O córrego Barrinha, afluente do rio Jundiaí no Jardim Oliveira Camargo, passou por cima da ponte e atingiu o interior de 05 casas com mais ou menos 50 cm. Foram 06 famílias atingidas, um total de 30 pessoas. A água atingiu o quintal de outras 06 residências. As águas já baixaram (por volta de 10h30) e os moradores começaram a limpar o local. A Secretaria da Família e Bem Estar Social enviou cestas básicas e cobertores para os moradores.
  • Ambulatório de Pediatria e Farmácia (Morada do Sol) foi inundado porque voltou água pelos ralos. O atendimento foi suspenso. Iniciou-se a desinfecção do espaço e  os funcionários foram remanejados.
  • Derefim (Morada do Sol): inundou duas salas com retorno de água, mas já foi realizada limpeza e o atendimento foi retomado.
  • Cras IV (Morada do Sol) : foi alagado com retorno da água pelos ralos e  o atendimento  foi suspenso.
  • Escola do Tombadouro: problema com o sistema de águas pluviais que encheu o prédio parcialmente. Com o fim das chuvas a situação normalizou.
  • Escolas Municipais  tiveram problemas com telefonia e energia elétrica.
  • Itaici: a Estrada Ezequiel Montoanelli teve o asfalto danificado (que liga o bairro Tombadouro à avenida coronel Estanislau do Amaral).
  • A segunda represa dentro do Mosteiro de Itaici transbordou e inundou as alamedas Andorinhas e Peroba. Não há possibilidade de trânsito.
  • Caminho da Luz: a Avenida Lix da Cunha na altura do pesqueiro Santo Agostinho ficou inundada. Não passam carros ou caminhões.
  • O córrego São Lourenço  também transbordou.
  • Estrada que liga Indaiatuba a Itupeva: a ponte sobre o rio Jundiaí na avenida Coronel Antônio Estanislau do Amaral ficou com o asfalto danificado.
  • Jardim Kioto: residências inundadas.
  • Nipo: o barranco atrás do clube cedeu e a terra derrubou o muro de uma residência que fica na parte de baixo. O muro de um vizinho está comprometido. Engenharia no local para providências. O barro atingiu duas residências. Foi adquirida uma lona de 20x50 metros para contar novos deslizamentos. O problema ocorreu na rua Ignácio Ambiel, o muro da residência 1.312 foi o que caiu.
  • Saúde: algumas unidades tiveram transtornos momentâneos durante as chuvas.
  • O Rio Jundiaí subiu 2,5 metros além da média normal; a prefeitura de Indaiatuba solicitou à Prefeitura de Salto a abertura das comportas. Com a medida o nível do rio Jundiaí já baixou e a situação está se normalizando.
  • E já que é o assunto, completo esta desagradavel lista registrando que dentro do Casarão do Pau-Preto, um patrimônio tombado, também chove há algum tempo. Eu escrevi e repito: chove DENTRO do Casarão, onde está a Biblioteca Pública, entre outros departamentos/processos da Fundação Pró-Memória.

4 comentários:

  1. Quem reside ou trabalha na Morada do Sol fica ilhado na altura da Marginal do Parque Ecológico.
    Quem vem do centro, para a Morada do Sol fica ilhado, sem saída!
    A água desce do alto da Morada do Sol e pára aí.
    Desce água e muita,da Francisco de Paula Leite e pára também no cruzamento da Marginal com Ário Barnabé.
    Eu já passei muitos apuros por causa disto.

    ResponderExcluir
  2. É isto aí!
    Parece que ainda estou em São Paulo...

    ResponderExcluir
  3. Estou preocupada com fato de chover dentro do Casarão!?
    Lá está a alma de Indaiatuba e não pode se perder.

    http://olharesdeindaiatuba.blogspot.com

    Abraços

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS MAIS PROCURADAS - Última semana

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

.

VISITANTES NO ÚLTIMO ANO

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação
Ave silvestre foi domesticada e atualmente voa livremente pela cidade, pousando em logradouros públicos, tornando-se conhecida e querida pelos indaiatubanos. Ajude a preservar!

SEGUIDORES