BEM-VINDO AO BLOG DE ELIANA BELO
Arquivo virtual de História, Memória e Patrimônio de Indaiatuba (SP) e região.*

Este blog só é viável com o auxílio de vários colaboradores; seja um também, divulgando seu (s) texto (s) ou imagem (ns).

CITE A FONTE ao fazer uso de textos ou imagens publicados neste blog; grande parte do material foi cedido generosamente por colaboradores.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Realizada no dia de hoje a Oficina sobre Paleografia no Casarão

Foi realizada no dia de hoje, sexta-feira dia 15 de maio a oficina " Paleografia e pesquisa histórica: questões sobre a leitura de fontes e produção do conhecimento histórico" ministrada pelo Prof. Tércio Voltani Veloso da Universidade Federal de Ouro Preto. A mesma oficina foi ministrada ontem, em Capivari.

A Oficina faz parte do projeto "Escolas do Patrimônio", executado em parceria entre a Fundação Pró-Memória de Indaiatuba e a UNICAMP que visa disponibilizar para a população oficinas gratuitas que tratam da questão do Patrimônio, História e Memória. Este ano, o público-alvo é, mais especificamente, a área da Educação.

" Quando duas instituições de peso como o Pró-Memória e a Unicamp se unem, é mais que obrigação atender a um pública cada vez mais amplo, o que demonstra também a preocupação da fundação com a constante formação dos educadores em escala regional", informou Carlos Nóbrega de Jesus, superintendente da Fundação.



O Presidente do Conselho Consultivo Gentil Gonçales Filho (à esquerda) com Gustavo Nóbrega de Jesus e a Professora Martha Barbosa Marinho (à direita), do Conselho Administrativo recebem a equipe técnica da Diretoria de Ensino de Capivari, presente na Oficina desta sexta-feira,


A oficina discutiu aspectos que relacionam as fontes históricas, a pesquisa histórica e a produção do conhecimento histórico, com o intuito de produzir uma compreensão mais profunda da História, enquanto disciplina a ser ensinada. O ponto central foi a leitura e transcrição de documentos manuscritos,  procurando relacionar a prática paleográfica com as discussões em torno da produção do conhecimento histórico. Foi trabalhado, em um primeiro momento, algumas relações básicas entre o arquivo (enquanto fonte), a memória e a produção científica da História. Em um segundo momento, a oficina foi direcionada às formas de análise e transcrição de documentos. 
A maior parte do público presente foi formada por professores de História da rede estadual de ensino. "Parecíamos uma família de educadores, o evento nos trouxe grande proveito social e pedagógico, através das explicações do professor, repensamos nosso ofício de uma maneira prática e contemporânea na era digital e global, comentou a professora Daniela Perroni Nicoletti.

Professor Tércio comanda atividade prática com participantes da Oficina no dia de hoje, no quintal do Casarão do Pau Preto.

As questões discutidas tiveram como objetivo a reflexão sobre a prática do historiador e do professor de História no mundo contemporâneo, principalmente no sentido de reconhecer que  a História - seus temas, suas investigações e tudo o mais - é, mais do que um dado, uma construção. E isso foi feito com maestria pelo Prof. Tércio. "O professor explicou muito bem, e de forma interativa", comentou o professor Daniel Lorim.

A oficina contou ainda com atividades práticas. Os participantes fizeram exercícios de transcrição e trabalho com tipologia dos documentos. " ... As letras me revelaram um fascínio pela sociedade letrada... o jeito como escreviam me fez perceber muita coisa daquela sociedade do passado... completou ainda a professora Daniela.







Crédito das imagens: Rodrigo Felix Pereira

Leia mais sobre a próxima oficina aqui.

Um comentário:

  1. O curso foi relevante ao ensino com documentos originais. A importância do contato com o documento para aumentar a curiosidade sobre o fato histórico e, porque não, o despertar de um futuro cientista.

    ResponderExcluir

LIVRO SOBRE HISTÓRIA DE INDAIATUBA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS MAIS VISITADAS NA ÚLTIMA SEMANA

PESQUISAR NESTE BLOG

História do Hino de Indaiatuba

https://www.youtube.com/watch?v=tauWwWrYipc

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

VISITANTES NO ÚLTIMO ANO

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação
Ave silvestre foi domesticada e atualmente voa livremente pela cidade, pousando em logradouros públicos, tornando-se conhecida e querida pelos indaiatubanos. Ajude a preservar!

SEGUIDORES