BEM-VINDO AO BLOG DE ELIANA BELO
Arquivo virtual de História, Memória e Patrimônio de Indaiatuba (SP) e região.*

Este blog só é viável com o auxílio de vários colaboradores; seja um também, divulgando seu (s) texto (s) ou imagem (ns).

CITE A FONTE ao fazer uso de textos ou imagens publicados neste blog; grande parte do material foi cedido generosamente por colaboradores.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Jardim da Infância na Capela de Santo Antônio - 1960


Quem seriam eles?
Ajude a indentificá-los!

Esses indaiatubaninhos foram alunos de uma classe de Jardim da Infância que funcionava nos fundos da Capela de Santo Antônio, no Centro.
Era o dia das mães, em maio de 1960 e todos posaram bonitinhos, com suas flores, para presentear as mães. Reparem que cada um possui flores diferentes, a maior parte são rosas. Talvez cada um tenha levado as flores de seu próprio jardim para a festa.
A imagem foi generosamente doada por Maria Angélica de Genaro Paulo, que é a número 19 da foto. Com a ajuda de Maria Alice Amstalden, alguns já foram identificados:

02 - Iuriê

03 - Edith Sander
05 - Cida Solli
07 - Maria Alice Amstalden
08 - Inês
09 - Célio
10 - Ely
11 - Cirinho
12 - Djalma (irmão do que corresponde ao nº 24 e não lembramos o nome)
13 - Nelson (proprietário da Nelson Alfredo Imóveis)
14 - Antonio Sérgio de Genaro (Casa de Materiais de Contrução Irmãos Genaro)
15 - João
19 - Maria Angelica de Genaro Paulo
20 - Maria Pia
22 - Paulo Sanches
23 - Sirinho
24 - Irmão do Djalma (o que trabalhou no Banespa nos anos 80)
26 - Irmão do Nelson Alfredo (nº 13 - um dos sócios do Escritório Indaiá)


Você reconhece alguém da foto?

Um comentário:

  1. Infelizmente não sei quem são, mas a idéia de procura-los é muito boa, vou ajuda-los nesta pesquisa.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS MAIS PROCURADAS - Última semana

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

.

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação

Indaiatuba - A cidade que tinha um urubu de estimação
Ave silvestre foi domesticada e atualmente voa livremente pela cidade, pousando em logradouros públicos, tornando-se conhecida e querida pelos indaiatubanos. Ajude a preservar!

SEGUIDORES